Educativo Pergunte e Responderemos

Fertilização artificial, um dos temas discutidos por Felipe Aquino

Letícia Barbosa
Da Redação

Nesta última sexta-feira, dia 9, Felipe Aquino abordou alguns temas, entre os quais destacou o posicionamento da Igreja em relação à fertilização in vitro, método artificial usado para engravidar.

Esse método consiste na junção dos espermatozoides com os óvulos em uma estufa com temperatura controlada. Quando bem sucedida a primeira etapa, o óvulo fecundado é transferido para o útero materno. A Igreja se declara contra esse tipo de método, pois, segundo sua Doutrina, o ato que funda a vida deve vir do casal por meio de sua doação total.

“Esse ato fundante da existência dos filhos já não é um ato pelo qual duas pessoas se doam uma à outra, mas instaura um domínio da técnica sobre a origem e a destinação da pessoa humana” (trecho extraído do Catecismo da Igreja Católica, § 2377)

Sobre o programa

Apresentado por professor Felipe Aquino, a cada edição o programa aborda diferentes temas que são enviados pelos telespectadores em formas de perguntas.

Com uma linguagem simples, o apresentador explica assuntos que estão todos relacionados com a fé católica e com a teologia de modo geral: Igreja, Magistério, Bíblia, Moral Católica, Sacramentos, Mandamentos, História da Igreja, Liturgia, Direito Canônico, entre outros.

A interação acontece através do e-mail pergunteeresponderemos@cancaonova.com ou pelo telefone (12) 3186 2600.

O apresentador

Felipe Rinaldo Queiroz de Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e pelo ITA e mestre na mesma área pela Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI). Durante 20 anos, foi diretor geral da Faculdade de Engenharia Química de Lorena (FAENQUIL). Foi casado e é pai de cinco filhos.

Na TV Canção Nova, apresenta o programa Escola da Fé e Pergunte e Respondermos. Nos finais de semana prega Encontros de Aprofundamento em todo o Brasil e no exterior, para casais, noivos e jovens. Escreveu 59 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola, Canção Nova e Raboni.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo