Jornalismo Igreja no Brasil

A missão evangelizadora da Igreja

CNBB realiza simpósio de incentivo ao debate missiológico sobre a presença da Igreja no meio dos povos.

A atividades de evangelização estão entre as prioridades da Igreja. Religiosos, professores e formadores se reuniram de 23 a 27 de fevereiro para participar do 4º Simpósio de Missiologia e discutir o tema “50 anos do Decreto Ad Gentes: por uma nova presença da Igreja no meio dos povos na reciprocidade da missão”.

O programa “Igreja no Brasil” de domingo, 1º de março, fez a cobertura do evento e o apresentou em destaque, cujo objetivo foi incentivar o debate missiológico em torno da missão “ad gentes” da Igreja e alimentar a rede formada por especialistas, pós-graduandos, mestres e doutores que contribuem com a pesquisa e a reflexão do Concílio Vaticano II, que continua a motivar a missão dos cristãos no mundo.

O evento foi promovido pela Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e pelo Centro Cultural Missionário (CCM), em parceria com a Rede Ecumênica Latino-Americana de Missiólogos e Missiólogas (Relami).

“É um decreto que tem uma influência muito grande na Igreja nestes últimos 50 anos. E a Igreja deve ser assim: ir ao encontro dos povos”, acrescenta o presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária, Dom Sérgio Braschi.

Este e outros destaques do “Igreja no Brasil” você acompanha no vídeo:

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo