Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - Lucas 22,1-30 - 03/10/2016

Faça o estudo da Palavra de Lucas 22,1-30

No programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’ desta sexta-feira, 30 de setembro, foi refletida a Palavra de Lucas 22, 1-30 pela missionária Vera Lúcia Reis.

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de Lucas 22, 1-30

1.Aproximava-se a festa dos pães sem fermento, chamada Páscoa.

2.Os príncipes dos sacerdotes e os escribas buscavam um meio de matar Jesus, mas temiam o povo.

3.Entretanto, Satanás entrou em Judas, que tinha por sobrenome Iscariotes, um dos Doze.

4.Judas foi procurar os príncipes dos sacerdotes e os oficiais para se entender com eles sobre o modo de lho entregar.

5.Eles se alegraram com isso, e concordaram em lhe dar dinheiro.

6.Também ele se obrigou. E buscava ocasião oportuna para o trair, sem que a multidão o soubesse.

7.Raiou o dia dos pães sem fermento, em que se devia imolar a Páscoa.

8.Jesus enviou Pedro e João, dizendo: Ide e preparai-nos a ceia da Páscoa.

9.Perguntaram-lhe eles: Onde queres que a preparemos?

10.Ele respondeu: Ao entrardes na cidade, encontrareis um homem carregando uma bilha de água; segui-o até a casa em que ele entrar,

11.e direis ao dono da casa: O Mestre pergunta-te: Onde está a sala em que comerei a Páscoa com os meus discípulos?

12.Ele vos mostrará no andar superior uma grande sala mobiliada, e ali fazei os preparativos.

13.Foram, pois, e acharam tudo como Jesus lhes dissera; e prepararam a Páscoa.

14.Chegada que foi a hora, Jesus pôs-se à mesa, e com ele os apóstolos.

15.Disse-lhes: Tenho desejado ardentemente comer convosco esta Páscoa, antes de sofrer.

16.Pois vos digo: não tornarei a comê-la, até que ela se cumpra no Reino de Deus.

17.Pegando o cálice, deu graças e disse: Tomai este cálice e distribuí-o entre vós.

18.Pois vos digo: já não tornarei a beber do fruto da videira, até que venha o Reino de Deus.

19.Tomou em seguida o pão e depois de ter dado graças, partiu-o e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim.

20.Do mesmo modo tomou também o cálice, depois de cear, dizendo: Este cálice é a Nova Aliança em meu sangue, que é derramado por vós…

21.Entretanto, eis que a mão de quem me trai está à mesa comigo.

22.O Filho do Homem vai, segundo o que está determinado, mas ai daquele homem por quem ele é traído!

23.Perguntavam então os discípulos entre si quem deles seria o que tal haveria de fazer.

24.Surgiu também entre eles uma discussão: qual deles seria o maior.

25.E Jesus disse-lhes: Os reis dos pagãos dominam como senhores, e os que exercem sobre eles autoridade chamam-se benfeitores.

26.Que não seja assim entre vós; mas o que entre vós é o maior, torne-se como o último; e o que governa seja como o servo.

27.Pois qual é o maior: o que está sentado à mesa ou o que serve? Não é aquele que está sentado à mesa? Todavia, eu estou no meio de vós, como aquele que serve.

28.E vós tendes permanecido comigo nas minhas provações;

29.eu, pois, disponho do Reino a vosso favor, assim como meu Pai o dispôs a meu favor,

30.para que comais e bebais à minha mesa no meu Reino e vos senteis em tronos, para julgar as doze tribos de Israel.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo