Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - Romanos 4,13-25 - 14/06/2017

Faça o estudo da Palavra de Romanos 4,13-25

Quarta-feira, 14, foi refletida no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’ a Palavra de Romanos 4,13-25 por Rodrigo Luiz.

Confira o vídeo abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=wjj6EdUkQJE

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de Romanos 4,13-25:

13.Com efeito, não foi em virtude da lei que a promessa de herdar o mundo foi feita a Abraão ou à sua posteridade, mas em virtude da justiça da fé.

14.Porque, se a herança é reservada aos observadores da lei, a fé já não tem razão de ser e a promessa fica sem valor.

15.Porquanto a lei produz a ira; e onde não existe lei, não há transgressão.

16.Logo, é pela fé que alguém se torna herdeiro. Portanto, gratuitamente; e a promessa é assegurada a toda a posteridade de Abraão, não somente aos que procedem da lei, mas também aos que possuem a fé de Abraão, que é pai de todos nós.

17.Em verdade, está escrito: Eu te constituí pai de muitas nações (Gn 17,5); (nosso pai, portanto) diante dos olhos daquele em quem acreditou, o Deus que dá vida aos mortos e chama à existência as coisas que estão no nada.

18.Esperando, contra toda a esperança, Abraão teve fé e se tornou pai de muitas nações, segundo o que lhe fora dito: Assim será a tua descendência (Gn 15,5).

19.Não vacilou na fé, embora reconhecendo o seu próprio corpo sem vigor – pois tinha quase cem anos – e o seio de Sara igualmente amortecido.

20.Ante a promessa de Deus, não vacilou, não desconfiou, mas conservou-se forte na fé e deu glória a Deus.

21.Estava plenamente convencido de que Deus era poderoso para cumprir o que prometera.

22.Eis por que sua fé lhe foi contada como justiça.

23.Ora, não é só para ele que está escrito que a fé lhe foi imputada em conta de justiça.

24.É também para nós, pois a nossa fé deve ser-nos imputada igualmente, porque cremos naquele que dos mortos ressuscitou Jesus, nosso Senhor,

25.o qual foi entregue por nossos pecados e ressuscitado para a nossa justificação.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo