Jornalismo Transmissões Externas

Assista à Solenidade de São Pedro e São Paulo com o Papa

Acompanhe a Solenidade de São Pedro e São Paulo com o Papa Francisco nesta segunda, 29 de junho

Letícia Barbosa
Da Redação

Papa Francisco

Papa Francisco – Foto: Cantonuovo

Nesta segunda-feira, 29, às 4h30 (horário de Brasília – DF), o Papa Francisco presidiu a Santa Missa em virtude da Solenidade dos apóstolos São Pedro e São Paulo, patronos principais de Roma, diretamente da Basílica Vaticana em Roma, na Itália.

Os dois santos são considerados as colunas da Igreja por seu testemunho de fé e coragem no anúncio do Evangelho, cuja solenidade é uma das mais antigas do calendário litúrgico.

Depois da Virgem Santíssima e de São João Batista, São Pedro e São Paulo são os santos que mais possuem datas comemorativas no calendário litúrgico. Além do tradicional 29 de junho, a Igreja celebra a conversão de Paulo no dia 25 de janeiro; a festa da cátedra de São Pedro no dia 22 de fevereiro; e a festa da dedicação das basílicas de São Pedro e São Paulo no dia 18 de novembro.

São Pedro

Nascido em Betsaida, cidade da Galileia, Pedro conheceu Jesus por intermédio de seu irmão André. O Senhor, “fixando nele o olhar” (cf. Jo 1,42), o chamou para segui-Lo. Antes de ter a vida transformada por Cristo, seu nome era Simão e era pescador.

Depois de convertido, passou a liderar os doze apóstolos e foi o primeiro deles a perceber em Jesus o Filho de Deus. É conhecido como o primeiro chefe da Igreja Cristã em Roma e considerado pela Igreja Católica como seu primeiro Papa.

Fundou as linhas apostólicas de Antioquia e Síria, incomodando poderosos e imperadores por anunciar a Palavra de Deus. Segundo a tradição, foi executado por ordem de Nero, imperador do Império Romano na época e grande perseguidor dos cristãos. Seu túmulo se encontra sob a catedral de São Pedro, no Vaticano, fato autenticado por muitos historiadores. O santo é homenageado pelos católicos no dia 29 de junho.

São Paulo

Autor da Primeira Carta aos Tessalonicenses, é conhecido como aquele que, de perseguidor de cristãos, passou a ser perseguido após sua conversão. Antes de começar a seguir Cristo, seu nome era Saulo.

O episódio de sua conversão sucedeu em uma viagem a Damasco enquanto perseguia os seguidores do Cristianismo. Nesse momento teve uma visão e fez uma experiência mística com Jesus Cristo em que ouvira a seguinte exclamação d’Ele: “Saulo, Saulo, por que me persegues?”. Imediatamente ficou cego e foi levado para a cidade, onde, dias depois, um discípulo de Jesus chamado Ananias foi enviado por Deus para curá-lo.

Após receber a cura física e espiritual, converteu-se ao Cristianismo, passou a se chamar Paulo e corajosamente começou a propagar o Evangelho aos gentios. Em 67, época em que estava preso em Roma, foi condenado por Nero acusado de seguir uma religião ilegal sendo morto por decapitação.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo