Espiritualidade Pelos Caminhos da Fé

Conheça a história da Catedral de Mariana

Programa exibiu história da Catedral de Mariana, construída no estilo barroco mineiro há trezentos anos.

Todas as sextas-feiras, a TV Canção Nova exibe o programa “Pelos caminhos da fé”, apresentado por Catarina Jatobá, missionária da Comunidade Canção Nova. A atração produzida e exibida diretamente de Minas Gerais tem o objetivo de levar aos telespectadores a rica cultura local e a fé, demonstada nas incontáveis igrejas e catedrais. Nessa sexta-feira, 27, a apresentadora foi até a cidade de Mariana e trouxe informações históricas da matriz, conhecida como Catedral Basílica Nossa Senhora da Assunção ou Catedral Sé de Mariana.

A cidade mineira foi a primeira do interior do país a ter uma catedral, cujo início da construção se deu no ano de 1713 e a finalização em 1760, segundo documentos históricos. Mariana foi a primeira vila, cidade e capital do estado de Minas Gerais. No século XVII, foi uma das maiores cidades produtoras de ouro para a coroa portuguesa e uma das mais importantes para o país.

A missionária visitou a Catedral da Sé, a sede da Arquidiocese de Mariana, e conversou com padre Geraldo Dias Buziane, que apresentou um pouco da história do local e da cidade.

“A Paróquia existe desde 1704, sendo a matriz então transferida para este local, que era a capela de Nossa Senhora Conceição. Em 1713 iniciou-se então a construção da matriz, que é este prédio e que posteriormente foi elevado à catedral”, destacou o sacerdote.

O atual arcebispo de Mariana, Dom Geraldo Lírio Rocha, recordou com alegria a importância da festa de três séculos da catedral. “É importância celebrarmos o tricentenário do início da construção do templo, que se tornou a Catedral de Mariana, porque ela representa muito para a cidade de Mariana, para Minhas Gerais e para o Brasil”.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo