Jornalismo Papo Aberto

Trabalho voluntário, solidariedade aos necessitados

Ana Clara Stockler
Da redação

O programa ‘Papo Aberto’, apresentado pelo missionário da Comunidade Canção Nova, Márcio Mendes, recebeu a Diretora do Centro de Voluntariado de São Paulo (SP), Anísia Villas Boas Sukadolnik.

No programa, Márcio destacou que o voluntário é uma pessoa que coloca sua vontade em ação. “Ter boa vontade e colocar a vontade em ação, para que aconteça uma transformação“, disse.

Para Anísia, ser voluntário é entender que o voluntariado traz um significado em nossa vida. Quando acreditamos em uma causa, quando vemos um problema social, assistimos um ato que sofremos por ver aquilo e arregaçamos a mangas para modificar.

O voluntário é visto como agente transformador da sociedade. Ele não é mais visto como bonzinho, que vai fazer caridade. Hoje, o voluntário é aquele que quer mudar uma realidade. Para o voluntário o mundo é o seu campo de ação. Quando ele está procurando melhorar tudo, é um voluntário nato, capaz de enxergar os problemas e pensar no que pode fazer“, ressaltou.

Motivado por solidariedade e cidadania, o voluntário doa um pouco do seu tempo, trabalho e talento para causas de interesses comunitários e sem receber nada em troca. “A pessoa não está fazendo caridade. Ela reparte o que sabe para que o outro não fique estagnado e continue crescendo”, disse Anísia.

No segundo bloco do programa, Emanuel Stênio, missionário da Comunidade Canção Nova, comentou sobre o livro “Levanta-te e anda”, acompanhe.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo