Espiritualidade Mulheres de Fé

Maria Lata d'água: das escolas de samba para a escola de Maria

Maria Mercedes conta como entrou na prostituição e como mudou de vida ao se encontrar com Deus

O programa “Mulheres de Fé” deste sábado, 5, contou com a participação de Maria Mercedes, conhecida como “Maria Lata d’água”. Natural de Minas Gerais, a convidada desse sábado partilhou como entrou na prostituição e o sofrimento causado em sua vida por isso, e como conseguiu mudar radicalmente de vida ao se encontrar com Deus.

Ainda com 11 anos ela revelou que foi morar no Rio de Janeiro e que sempre fugia, com algumas amigas de escola, para irem à praia, e que, em um desses passeios, se envolveu com a prostituição e acabou fugindo de casa aos 13 anos.

Quando tinha 18 anos, ela contou que foi convidada para fazer shows com algumas escolas de samba, com as quais se apresentava para turistas e chegou a participar de alguns programas da TV, quando recebeu o apelido de “Maria Lata d’água”. E que, numa viagem à Suíça, ela conheceu a Renovação Carismática Católica e foi alcançada pelo amor misericordioso de Deus Pai. Dessa forma, ela narrou que saiu da prostituição, parou de desfilar com escolas de samba e Deus se tornou o centro de sua vida.

O ‘inimigo’ me enganou, mas Deus não deixou que ele me levasse“, testemunha Maria.

 

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo