Espiritualidade Mulheres de Fé

Deus, um amigo para todas as horas

Juliana testemunhou como a oração do terço e a amizade com Deus lhe deram forças para superar os traumas das agressões e humilhações de um relacionamento.

O programa “Mulheres de Fé” deste sábado, 7, contou com a participação da psicóloga Juliana Albuquerque, que partilhou sobre um tempo em sua vida em que se viu refém do medo e da vergonha. Hoje casada, Juliana falou sobre sua adolescência e contou detalhes de um relacionamento no qual sofreu agressões físicas, morais, emocionais e sexuais.

Hoje vejo que Deus me curou de muitos traumas, pois a experiência que tive poderia ter me levado a uma grande dificuldade em minha convivência com os homens“, enfatizou ela.

A convidada testemunhou que, em muitos momentos, quis pedir ajuda, mas tinha vergonha do que vivia e que era dominada pelo medo das ameaças do ex-namorado. E que, com isso, foi convivendo com a agressão e a humilhação.

A minha arma era a oração do terço e a amizade com Deus, por ser nova não sabia como agir, e levar para Deus tudo o que eu vivia me ajudava a ter esperança“, relata Juliana.

Ela contou que, graças à oração, foi ganhando forças até criar coragem de dar um basta na situação; e que ficou muito tempo sem sair de casa, passando por terapia, para superar os traumas causados pela violência.  A convidada desse sábado também partilhou que, com a ajuda espiritual e psicológica, teve forças para resgatar a autoestima e voltar à vida. E contou que se arrependeu de não tê-lo denunciado na época e que, após 10 anos, ele a procurou e lhe pediu perdão.

Eu o perdoei, não tinha mais nada com o passado“, disse ela.

Hoje Juliana é casada, professora da Faculdade Canção Nova e fala, com alegria, de seu relacionamento: “Meu esposo é a resposta de Deus para mim, ele é a expressão do amor de Deus em minha vida. Hoje vejo que estou em uma relação a dois, sou importante, respeitada e realizada“, testemunha.

Assista ao testemunho na íntegra:

Veja também:

:: Doação, fidelidade e amor: conheça o testemunho de Ziza Fernandes

:: A tua fé te salvou

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo