Jornalismo Documentários

A cura do paralítico

Na passagem da cura do paralítico Padre Arlon reflete sobre o valor da amizade e da fé para que encontremos Jesus 

Larissa Senne
Da Redação

No último vídeo da série “Pedro, o pescador que se tornou Apóstolo”, padre Arlon Cristian reflete sobre a passagem em que Jesus cura o paralítico na casa de Simão Pedro, e ressalta a importância da confiança e da dos amigos na cura do enfermo.

Descrito nos Evangelhos de Mateus, Marcos e Lucas, o acontecimento é mais um marco dos milagres feitos por Cristo; e Pedro, como seguidor do Senhor, é a testemunha da força de vontade dos amigos, que se tornam as “mãos, os pés e a voz” do homem escravizado pela doença.

“Vendo a fé deles, Jesus disse ao paralítico: ‘Filho, os teus pecados te são perdoados’” (Marcos 2, 4).

Na meditação dessa passagem bíblica, o sacerdote da Comunidade Canção Nova destaca a lição deixada e a importância da intercessão e da amizade em nossa vida. E afirma que a fé exige uma ação: “Nós devemos levar os nossos para Deus, amigos que levam amigos para se encontrar com Jesus”.

Assista às reflexões anteriores do sacerdote:

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo