Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - João 8, 21-38 - 31/05/2016

Faça o estudo da Palavra de João 8, 21-38

Alexandre Oliveira, refletiu a Palavra de João 8, 21-38 no dia 31 de maio terça-feira, no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’.

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça o estudo da Palavra de João 8, 21-38.

21.Jesus disse-lhes: Eu me vou, e procurar-me-eis e morrereis no vosso pecado. Para onde eu vou, vós não podeis ir.

22.Perguntavam os judeus: Será que ele se vai matar, pois diz: Para onde eu vou, vós não podeis ir?

23.Ele lhes disse: Vós sois cá de baixo, eu sou lá de cima. Vós sois deste mundo, eu não sou deste mundo.

24.Por isso vos disse: morrereis no vosso pecado; porque, se não crerdes o que eu sou, morrereis no vosso pecado.

25.Quem és tu?, perguntaram-lhe eles então. Jesus respondeu: Exatamente o que eu vos declaro.

26.Tenho muitas coisas a dizer e a julgar a vosso respeito, mas o que me enviou é verdadeiro e o que dele ouvi eu o digo ao mundo.

27.Eles, porém, não compreenderam que ele lhes falava do Pai.

28.Jesus então lhes disse: Quando tiverdes levantado o Filho do Homem, então conhecereis quem sou e que nada faço de mim mesmo, mas falo do modo como o Pai me ensinou.

29.Aquele que me enviou está comigo; ele não me deixou sozinho, porque faço sempre o que é do seu agrado.

30.Tendo proferido essas palavras, muitos creram nele.

31.E Jesus dizia aos judeus que nele creram: Se permanecerdes na minha palavra, sereis meus verdadeiros discípulos;

32.conhecereis a verdade e a verdade vos livrará.

33.Replicaram-lhe: Somos descendentes de Abraão e jamais fomos escravos de alguém. Como dizes tu: Sereis livres?

34.Respondeu Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: todo homem que se entrega ao pecado é seu escravo.

35.Ora, o escravo não fica na casa para sempre, mas o filho sim, fica para sempre.

36.Se, portanto, o Filho vos libertar, sereis verdadeiramente livres.

37.Bem sei que sois a raça de Abraão; mas quereis matar-me, porque a minha palavra não penetra em vós.

38.Eu falo o que vi junto de meu Pai; e vós fazeis o que aprendestes de vosso pai.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo