Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - João 3, 1-21 - 13/05/2016

Faça o estudo da Palavra de João 3, 1-21.

Na sexta-feira 13 de maio, Alexandre Oliveira refletiu a Palavra que está em João 3, 1-21, no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’.

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de João 3, 1-21.

1.Havia um homem entre os fariseus, chamado Nicodemos, príncipe dos judeus.

2.Este foi ter com Jesus, de noite, e disse-lhe: Rabi, sabemos que és um Mestre vindo de Deus. Ninguém pode fazer esses milagres que fazes, se Deus não estiver com ele.

3.Jesus replicou-lhe: Em verdade, em verdade te digo: quem não nascer de novo não poderá ver o Reino de Deus.

4.Nicodemos perguntou-lhe: Como pode um homem renascer, sendo velho? Porventura pode tornar a entrar no seio de sua mãe e nascer pela segunda vez?

5.Respondeu Jesus: Em verdade, em verdade te digo: quem não renascer da água e do Espírito não poderá entrar no Reino de Deus.

6.O que nasceu da carne é carne, e o que nasceu do Espírito é espírito.

7.Não te maravilhes de que eu te tenha dito: Necessário vos é nascer de novo.

8.O vento sopra onde quer; ouves-lhe o ruído, mas não sabes de onde vem, nem para onde vai. Assim acontece com aquele que nasceu do Espírito.

9.Replicou Nicodemos: Como se pode fazer isso?

10.Disse Jesus: És doutor em Israel e ignoras estas coisas!…

11.Em verdade, em verdade te digo: dizemos o que sabemos e damos testemunho do que vimos, mas não recebeis o nosso testemunho.

12.Se vos tenho falado das coisas terrenas e não me credes, como crereis se vos falar das celestiais?

13.Ninguém subiu ao céu senão aquele que desceu do céu, o Filho do Homem que está no céu.

14.Como Moisés levantou a serpente no deserto, assim deve ser levantado o Filho do Homem,

15.para que todo homem que nele crer tenha a vida eterna.

16.Com efeito, de tal modo Deus amou o mundo, que lhe deu seu Filho único, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.

17.Pois Deus não enviou o Filho ao mundo para condená-lo, mas para que o mundo seja salvo por ele.

18.Quem nele crê não é condenado, mas quem não crê já está condenado; por que não crê no nome do Filho único de Deus.

19.Ora, este é o julgamento: a luz veio ao mundo, mas os homens amaram mais as trevas do que a luz, pois as suas obras eram más.

20.Porquanto todo aquele que faz o mal odeia a luz e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas.

21.Mas aquele que pratica a verdade, vem para a luz. Torna-se assim claro que as suas obras são feitas em Deus.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo