Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - João 11, 45-57 - 08/06/2016

Reze com a Palavra de João 11, 45-57.

A Palavra refletida por Alexandre Oliveira, nesta quarta-feira, 8 de junho, foi João 11, 45-57, no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’.

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça o estudo da Palavra de 11, 45-57.

45.Muitos dos judeus, que tinham vindo a Marta e Maria e viram o que Jesus fizera, creram nele.

46.Alguns deles, porém, foram aos fariseus e lhes contaram o que Jesus realizara.

47.Os pontífices e os fariseus convocaram o conselho e disseram: Que faremos? Esse homem multiplica os milagres.

48.Se o deixarmos proceder assim, todos crerão nele, e os romanos virão e arruinarão a nossa cidade e toda a nação.

49.Um deles, chamado Caifás, que era o sumo sacerdote daquele ano, disse-lhes: Vós não entendeis nada!

50.Nem considerais que vos convém que morra um só homem pelo povo, e que não pereça toda a nação.

51.E ele não disse isso por si mesmo, mas, como era o sumo sacerdote daquele ano, profetizava que Jesus havia de morrer pela nação,

52.e não somente pela nação, mas também para que fossem reconduzidos à unidade os filhos de Deus dispersos.

53.E desde aquele momento resolveram tirar-lhe a vida.

54.Em conseqüência disso, Jesus já não andava em público entre os judeus. Retirou-se para uma região vizinha do deserto, a uma cidade chamada Efraim, e ali se detinha com seus discípulos.

55.Estava próxima a Páscoa dos judeus, e muita gente de todo o país subia a Jerusalém antes da Páscoa para se purificar.

56.Procuravam Jesus e falavam uns com os outros no templo: Que vos parece? Achais que ele não virá à festa?

57.Mas os sumos sacerdotes e os fariseus tinham dado ordem para que todo aquele que soubesse onde ele estava o denunciasse, para o prenderem.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo