Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

Programa A Bíblia no meu dia a dia - I João 1-2, 12 - 23/02/2016

Medite a Palavra de Deus com a missionária Rogerinha

O segundo episódio do programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’ contou com a meditação do trecho bíblico de I João 1-2, 12 feita pela missionária Rogerinha.

Nesta primeira temporada, as edições serão baseadas em versículos dos Evangelhos de I João e Marcos.

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de I João 1-2, 12

1.O que era desde o princípio, o que temos ouvido, o que temos visto com os nossos olhos, o que temos contemplado e as nossas mãos têm apalpado no tocante ao Verbo da vida –2.porque a vida se manifestou, e nós a temos visto; damos testemunho e vos anunciamos a vida eterna, que estava no Pai e que se nos manifestou -, 3.o que vimos e ouvimos nós vos anunciamos, para que também vós tenhais comunhão conosco. Ora, a nossa comunhão é com o Pai e com o seu Filho Jesus Cristo. 4.Escrevemo-vos estas coisas para que a vossa alegria seja completa.5.A nova que dele temos ouvido e vos anunciamos é esta: Deus é luz e nele não há treva alguma. 6.Se dizemos ter comunhão com ele, mas andamos nas trevas, mentimos e não seguimos a verdade. 7.Se, porém, andamos na luz como ele mesmo está na luz, temos comunhão recíproca uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo pecado. 8.Se dizemos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós. 9.Se reconhecemos os nossos pecados, (Deus aí está) fiel e justo para nos perdoar os pecados e para nos purificar de toda iniquidade. 10.Se pensamos não ter pecado, nós o declaramos mentiroso e a sua palavra não está em nós. 

1.Filhinhos meus, isto vos escrevo para que não pequeis. Mas, se alguém pecar, temos um intercessor junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo. 2.Ele é a expiação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo. 3.Eis como sabemos que o conhecemos: se guardamos os seus mandamentos. 4.Aquele que diz conhecê-lo e não guarda os seus mandamentos é mentiroso e a verdade não está nele. 5.Aquele, porém, que guarda a sua palavra, nele o amor de Deus é verdadeiramente perfeito. É assim que conhecemos se estamos nele: 6.aquele que afirma permanecer nele deve também viver como ele viveu. 7.Caríssimos, não vos escrevo nenhum mandamento novo, mas sim o mandamento antigo, que recebestes desde o princípio. Este mandamento antigo é a palavra que acabais de ouvir. 8.Todavia, eu vos escrevo agora um mandamento novo – verdadeiramente novo, nele como em vós, porque as trevas passam e já resplandece a verdadeira luz. 9.Aquele que diz estar na luz, e odeia seu irmão, jaz ainda nas trevas. 10.Quem ama seu irmão permanece na luz e não se expõe a tropeçar. 11.Mas quem odeia seu irmão está nas trevas e anda nas trevas, sem saber para onde dirige os passos; as trevas cegaram seus olhos. 12.Filhinhos, eu vos escrevo, porque vossos pecados vos foram perdoados pelo seu nome.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo