Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - Romanos 9,19-33 - 28/06/2017

Faça o estudo da Palavra de Romanos 9,19-33

Quarta-feira, 28, foi refletida no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’ a Palavra de Romanos 9,19-33 por Rodrigo Luiz.

Confira o vídeo abaixo:

Adquira o programa!

Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de Romanos 9,19-33:

19.Dir-me-ás talvez: Por que ele ainda se queixa? Quem pode resistir à sua vontade?

20.Mas quem és tu, ó homem, para contestar a Deus? Porventura o vaso de barro diz ao oleiro: Por que me fizeste assim?

21.Ou não tem o oleiro poder sobre o barro para fazer da mesma massa um vaso de uso nobre e outro de uso vulgar?

22.(Onde, então, está a injustiça) em ter Deus, para mostrar a sua ira e manifestar o seu poder, suportado com muita paciência os objetos de ira preparados para a perdição,

23.mostrando as riquezas da sua glória para com os objetos de misericórdia, que de antemão preparou para a glória?

24.(Esses somos nós, que ele chamou não só dentre os judeus, mas também dentre os pagãos.) É o que ele diz em Oséias:

25.Chamarei meu povo ao que não era meu povo, e amada a que não era amada.

26.E no lugar mesmo em que lhes foi dito: Vós não sois meu povo, ali serão chamados filhos de Deus vivo (Os 2,1).

27.A respeito de Israel, exclama Isaías: Ainda que o número de filhos de Israel fosse como a areia do mar, só um resto será salvo;

28.porque o Senhor realizará plenamente e prontamente a sua palavra sobre a terra (10,22s).

29.E ainda como predisse Isaías: Se o Senhor dos exércitos não nos tivesse deixado um rebento, ficaríamos como Sodoma, seríamos como Gomorra (Is 1,9).

30.Então que diremos? Que os gentios, que não buscavam a justiça, alcançaram a justificação, a que vem da fé,

31.ao passo que Israel, que procurava uma lei que desse a justificação, não a encontrou.

32.Por quê? Porque Israel a buscava como fruto não da fé, e sim das obras. E tropeçou na pedra do escândalo,

33.como está escrito: Eis que ponho em Sião uma pedra de escândalo, um rochedo que faz cair; quem nele crer não será confundido (Is 8,14; 28,16).

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo