Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - Mateus 6,1-18 - 05/01/2017

Faça o estudo da Palavra de Mateus 6,1-18

Quinta-feira, 5 de janeiro, foi refletida no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’ a Palavra de Mateus 6,1-18, por Nelsinho Corrêa.

Confira o vídeo abaixo:

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de Mateus 6,1-18:

1.Guardai-vos de fazer vossas boas obras diante dos homens, para serdes vistos por eles. Do contrário, não tereis recompensa junto de vosso Pai que está no céu.

2.Quando, pois, dás esmola, não toques a trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem louvados pelos homens. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.

3.Quando deres esmola, que tua mão esquerda não saiba o que fez a direita.

4.Assim, a tua esmola se fará em segredo; e teu Pai, que vê o escondido, recompensar-te-á.

5.Quando orardes, não façais como os hipócritas, que gostam de orar de pé nas sinagogas e nas esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.

6.Quando orares, entra no teu quarto, fecha a porta e ora ao teu Pai em segredo; e teu Pai, que vê num lugar oculto, recompensar-te-á.

7.Nas vossas orações, não multipliqueis as palavras, como fazem os pagãos que julgam que serão ouvidos à força de palavras.

8.Não os imiteis, porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes que vós lho peçais.

9.Eis como deveis rezar: PAI NOSSO, que estais no céu, santificado seja o vosso nome;

10.venha a nós o vosso Reino; seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu.

11.O pão nosso de cada dia nos dai hoje;

12.perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos aos que nos ofenderam;

13.e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.

14.Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, vosso Pai celeste também vos perdoará.

15.Mas se não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai vos perdoará.

16.Quando jejuardes, não tomeis um ar triste como os hipócritas, que mostram um semblante abatido para manifestar aos homens que jejuam. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.

17.Quando jejuares, perfuma a tua cabeça e lava o teu rosto.

18.Assim, não parecerá aos homens que jejuas, mas somente a teu Pai que está presente ao oculto; e teu Pai, que vê num lugar oculto, recompensar-te-á.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo