Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - Gálatas 4,1-20 - 20/03/2017

Faça o estudo da Palavra de Gálatas 4,1-20

Segunda-feira, 20, foi refletida no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’ a Palavra de Gálatas 4,1-20 por Neidinha Barbosa.

Confira o vídeo abaixo:

Adquira o programa!

Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de Gálatas 4,1-20:

1.Explico-me: enquanto o herdeiro é menor, em nada difere do escravo, ainda que seja senhor de tudo,

2.mas está sob tutores e administradores, até o tempo determinado por seu pai.

3.Assim também nós, quando menores, estávamos escravizados pelos rudimentos do mundo.

4.Mas quando veio a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, que nasceu de uma mulher e nasceu submetido a uma lei,

5.a fim de remir os que estavam sob a lei, para que recebêssemos a sua adoção.

6.A prova de que sois filhos é que Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai!

7.Portanto já não és escravo, mas filho. E, se és filho, então também herdeiro por Deus.

8.Outrora, é certo, desconhecendo a Deus, servíeis aos que na realidade não são deuses.

9.Agora, porém, conhecendo a Deus, ou melhor, sendo conhecidos por Deus, como é que tornais aos rudimentos fracos e miseráveis, querendo de novo escravizar-vos a eles?

10.Observais dias, meses, estações e anos!

11.Temo que os meus esforços entre vós tenham sido em vão. Voltemos à nossa confiança cordial

12.Irmãos, sede como eu, pois também eu me tornei como vós. Não tenho nenhum motivo de queixa contra vós.

13.Estais lembrados de como eu estava doente quando, pela primeira vez, vos preguei o Evangelho

14.e fui para vós uma provação por causa do meu corpo. Mas nem por isto me desprezastes nem rejeitastes, antes me acolhestes como um enviado de Deus, como Cristo Jesus.

15.Onde está agora aquele vosso entusiasmo? Asseguro-vos que, se possível fora, teríeis arrancado os vossos olhos para mos dar!

16.Tornei-me, acaso, vosso inimigo, porque vos disse a verdade?

17.Eles vos testemunham amizade com má intenção, e querem separar-vos de mim, para captar a vossa amizade.

18.É maravilhoso receber demonstrações de boa amizade, mas que seja em todas as circunstâncias, e não somente quando estou convosco.

19.Filhinhos meus, por quem de novo sinto dores de parto, até que Cristo seja formado em vós,

20.quem me dera estar agora convosco, para descobrir o tom que convém à minha linguagem, visto que eu me encontro extremamente perplexo a vosso respeito.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo