Espiritualidade A Bíblia no meu Dia a Dia

A Bíblia no meu dia a dia - Filipenses 2,1-18 - 14/04/2017

Faça o estudo da Palavra de Filipenses 2,1-18

Sexta-feira, 14, foi refletida no programa ‘A Bíblia no meu dia a dia’ a Palavra de Filipenses 2,1-18 por Neidinha Barbosa.

Confira o vídeo abaixo:

Adquira o programa!
Você pode ter acesso ao conteúdo completo da TV Canção Nova. Acesse cancaonova.com/play!

Ajuda a Canção Nova na missão de evangelizar e transmitir a Boa Nova aos lares de pessoas do mundo inteiro! Seja um sócio evangelizador e ingresse nessa missão também!

Faça a reflexão da Palavra de Filipenses 2,1-18:

1.Se me é possível, pois, alguma consolação em Cristo, algum caridoso estímulo, alguma comunhão no Espírito, alguma ternura e compaixão,

2.completai a minha alegria, permanecendo unidos. Tende um mesmo amor, uma só alma e os mesmos pensamentos.

3.Nada façais por espírito de partido ou vanglória, mas que a humildade vos ensine a considerar os outros superiores a vós mesmos.

4.Cada qual tenha em vista não os seus próprios interesses, e sim os dos outros.

5.Dedicai-vos mutuamente a estima que se deve em Cristo Jesus.

6.Sendo ele de condição divina, não se prevaleceu de sua igualdade com Deus,

7.mas aniquilou-se a si mesmo, assumindo a condição de escravo e assemelhando-se aos homens.

8.E, sendo exteriormente reconhecido como homem, humilhou-se ainda mais, tornando-se obediente até a morte, e morte de cruz.

9.Por isso Deus o exaltou soberanamente e lhe outorgou o nome que está acima de todos os nomes,

10.para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho no céu, na terra e nos infernos.

11.E toda língua confesse, para a glória de Deus Pai, que Jesus Cristo é Senhor.

12.Assim, meus caríssimos, vós que sempre fostes obedientes, trabalhai na vossa salvação com temor e tremor, não só como quando eu estava entre vós, mas muito mais agora na minha ausência.

13.Porque é Deus quem, segundo o seu beneplácito, realiza em vós o querer e o executar.

14.Fazei todas as coisas sem murmurações nem críticas,

15.a fim de serdes irrepreensíveis e inocentes, filhos de Deus íntegros no meio de uma sociedade depravada e maliciosa, onde brilhais como luzeiros no mundo,

16.a ostentar a palavra da vida. Dessa forma, no dia de Cristo, sentirei alegria em não ter corrido em vão, em não ter trabalhado em vão.

17.Ainda que tenha de derramar o meu sangue sobre o sacrifício em homenagem à vossa fé, eu me alegro e vos felicito.

18.Vós outros, também, alegrai-vos e regozijai-vos comigo.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários

↑ topo